Ora, ora… você já leu nosso texto sobre ações, e ainda não começou a investir? Vamos precisar te convencer de vez né? E, foi por isso, que o Boletim elencou cinco motivos para investir em Ações.

Já falamos sobre elas aqui no BE, para saber mais, clique aqui.

De fato, a fama não é à toa. Esse é um tipo de investimento muito bom, por isso que cinco motivos ainda são poucos. Mas, se isso for necessário, cá estamos.

1. Você investirá em empresas

Para começar a explicar esse tópico, antes preciso te explicar como funciona uma ação. Temos a empresa X, e ela quer melhorar seus equipamentos e a produção. Sendo assim, ao invés de pedir um empréstimo ao banco, ela pede às pessoas.

Dessa forma, ela divide o valor total da empresa em papéis/ações. A X fica com uma parte desses papéis e vende o resto. Daí, você compra uma outra parte desses papéis e outras tantas pessoas também. O que isso significa? Que agora você tem parte da empresa.

Quer dizer, você se tornou sócio de algo muito maior. Você também é dono de uma empresa e estará na torcida para o crescimento dela. Além disso, poderá participar de algumas piadinhas, como a do “dinheiro infinito”.

ações

2. Maiores retornos

Ações estão no meio do caminho entre títulos mais pacíficos (que não disparam o coração) e os títulos agressivos, que podem assustar um pouco mais.

Sendo assim, por ser um ativo de risco moderado, você poderá ter maiores retornos que a Renda Fixa e menos sustos do que os mais arriscados.

Além disso, tem um segredinho das pesquisas. Saiba que estudos demonstram que as empresas tem tendência a valorizarem no longo prazo. Sendo assim, é interessante investir em ações com paciência, pois pode render bons frutos com menos preocupações.

BBDC3 ações

Essa imagem foi retirada do site da Suno e ela mostra que, se em 1995 você (ou alguém com idade suficiente para isso) comprasse R$ 100 em ações da Bradesco e reinvestisse os dividendos (leia mais abaixo), então, em 2017, você teria R$ 12.000. Enquanto isso, o CDI daria, apenas, R$ 3.500.

Ah, e mais um detalhe sobre isso: a questão é que existe uma grande chance de lucrar no longo prazo. Mas isso não quer dizer que a ação não vá valorizar de um dia para outro. A prova que isso é verdade são os traders, que compram e vendem ações em questão de minutos, até.

3. Barato para começar

Olha, hoje, dia 05/05/20, fui olhar os preços de algumas ações. A Magazine Luiza, ou Magalu, para os mais íntimos, está a R$ 50,20.

E tudo bem se você não tiver 50 reais para negociar uma ação dela, pois achei a OI a R$ 0,70. Essas não são indicações de compra, mas esses são exemplos usados para te mostrar que existem vários preços no mercado.

E, se serve de consolo, eu vejo mais ações com preços mais baixos, do que preços próximos ao da MGLU3, para os tão íntimos. Mas, ai, um leve susto: “ah, poxa, mas eu sou obrigado a comprar lotes de 100 ações?”

screaming homer simpson GIF

NÃO! Você pode negociar no mercado fracionado. Quer dizer, a MGLU3, por exemplo, é negociada em lotes de 100, então você desembolsaria aproximadamente R$ 5.000 no mínimo. Maaas, se você for negociar MGLU3F, você pode comprar quantas ações quiser. O “F” te permite comprar unidades, podendo, então, começar a negociar ações com menos de um real.

Homer Blank Stare GIF by moodman

4. Alta liquidez

Vamos lá, exemplos são a melhor parte, então vou dividi-los em dois que já citamos:

Renda Fixa: esse tipo de investimento é comum ter data de vencimento para retirada. Exemplificando, se você “investir no governo” pelo Tesouro Direto, você só terá direito ao valor combinado no mínimo ano que vem.

Investimentos agressivos: ficou sabendo do caso do petróleo? Então, as pessoas estavam negociando no mercado futuro.

É como se elas tivessem encomendado o petróleo antecipadamente pelo preço X, porque, se fosse comprar depois, pagaria 2X. Só que ai veio a crise do Coronavírus e a encomenda ao invés de custar 2X, passou a custar X/2, -X, -2X.

Já falamos sobre os preços do petróleo, para saber mais, clique no botão abaixo.

Com isso, o ponto importante é que com ações existe maior liquidez e maior flexibilidade. E isso porque você pode vender suas ações de minuto em minuto, estando dentro do horário das negociações.

Além disso, você não está preso a ela, e, mais uma vez, você pode comprar e vender sempre que te convêm, sem correr o risco dela ficar negativa.

5. Renda “sem gastar tempo”

“Sem gastar tempo” porque já estou tentando te explicar o que é renda passiva. Bem, isso significa ter uma renda sem se esforçar muito. Como não ter que gastar horas estudando novas ações.

E, por isso, existem os dividendos. De forma geral, é o lucro da empresa dividido entre os acionistas dela. Claro que quanto mais ações você tiver, mais você irá receber. Por isso que é algo a ser construído e que, no futuro (espero que próximo 🙌 ), dará resultados muito felizes.

ações

E, por fim…

Concluímos assim, que investir em ações é algo bom (ponto). rs

E se você discorda, tudo bem, cada investidor tem um perfil e objetivos distintos. Mas de fato, considerando a felicidade de ser sócio de um empresa e a facilidade de ser. Esse é um investimento bastante considerável. Além disso, um bônus de motivo, é o acesso a informação.

Você pode estar sempre de olho na situação financeira e administrativa da empresa. Porque as que tem ações na bolsa são obrigadas a apresentar regularmente sua situação.

Além disso, existem diversos sites fazendo análises de empresas para você já. São pequenos números que dizem muito sobre uma ação (e podemos conversar mais sobre isso).

Sendo assim, peço que deixe nos comentários ou nas nossas redes sociais o que acha dessa proposta. Se ainda for difícil escolher a ação certa, estamos aqui para ajudar.

Afinal, não desejo que se dê mal comprando uma ação “chocha, capenga, manca, anêmica, frágil e inconsistente”