O Brasil é um país com muita burocracia, mas isso todos já sabem. Os serviços públicos então, nem se fala. Com a pandemia, algumas coisas precisaram ser feitas on-line e isso facilitou a vida de muitas pessoas

Como isso ajudou o povo brasileiro? Qual o resultado verdadeiro disso?

Continue com a gente para descobrir isso e muito mais.

Aumento atendimento on-line

Antes de mais nada, a pandemia causou o maior estrago no mundo e no Brasil não foi diferente. Por causa do isolamento social, muitos serviços passaram a ser prestados de maneira virtual.

Com esse novo sistema, houve uma diminuição na burocracia, isto é, o atendimento ficou mais prático e rápido. Em outras palavras, pode ser realizado de qualquer lugar e a qualquer hora pelo cidadão, desde que com acesso à internet.

Dessa forma, a quantidade de documentos digitalizados e armazenados em nuvem na aumentou mais de 100% em comparação com os últimos oito meses.

GIF de escritório doméstico não pode ser interrompido por Ritter Sport Serviços públicos

• Leia também: Entenda como o Brasil ganhou 1 bilhão de reais com Home Office

Serviços digitalizados 

O portal gov.br oferece 3.870 serviços públicos de 190 órgãos federais, dos quais 2.368 são totalmente digitalizados. 615 serviços são parcialmente digitais, isto é, algumas etapas precisam ser realizadas presencialmente.

Hoje, 80 milhões de brasileiros têm acesso a esses serviços, quarenta vezes mais usuários do que no ano anterior, onde só 2 milhões de brasileiros usavam esses serviços de forma digital. 

Dessa maneira, entre os serviços totalmente digitalizados, estão:

  • o auxílio emergencial;
  • solicitação do seguro desemprego;
  • a Carteira Digital de Trânsito, a Carteira de Trabalho Digital e o aplicativo Meu INSS.

Do mesmo modo, emite o comprovante do Cadastro Único, consulta informações cadastrais no CPF, obtém informações atualizadas sobre o coronavírus e obtém benefícios do programa Bolsa Família.

Economia

Assim, a digitalização desses serviços facilitou a vida das pessoas e gerou uma economia enorme. Dessa forma, o atendimento on-line custa 97% menos que o mesmo serviço presencial.

Dessa maneira, essa economia pode chegar a 2 bilhões de reais por ano. Como resultado , o governo economizaria 500 milhões e a população um milhão e meio devido a desburocratização. 

Money Guardar GIF by Pepephone

• Leia também: Cisne Verde: o meio ambiente como nova ameaça à economia?

Burocracia no Brasil

Segundo o Banco Mundial, o Brasil é o país mais burocrático do mundo. Existe uma estimativa de 60 bilhões de reais e quase duas mil horas gastos anualmente em burocracia tributária.

Esse alto custo da burocracia é repassada aos produtos e serviços. Em outras palavras, quem acaba pagando a conta final é o consumidor.

Um exemplo do dia a dia onde o brasileiro deve lidar com a burocracia é provar sua existência.

Isso mesmo, você deve provar quem diz ser através de muitas toneladas de firma reconhecida. Além de perder tempo, a pessoa também perde dinheiro com as assinaturas autenticadas, cópias, formulários, entre outros.

Normalmente, essa burocratização excessiva só trás dor de cabeça para a população. 

Gostou do texto? Compartilhe com seus amigos.