A crise causada pelo Coronavírus já assusta e muito os economistas do país, que divergem em quais posturas o governo deve tomar para estancar a crise. Uma dessas, é a emissão de moeda, ou mais popularmente, imprimir dinheiro.

Porém, essa medida não causa um grande aumento da inflação no país?

Segundo o ex-ministro da fazenda, Henrique Meirelles, essa medida não irá causar uma inflação.

Quer saber como? Continue lendo que eu te explico.

Moeda x inflação

Antes de mais nada, é necessário entender como que funciona a inflação e o porquê ela aumenta com a emissão de moeda.

Já explicamos sobre inflação com mais detalhes aqui no boletim econômico, para saber mais, clique aqui.

Primeiramente, é necessário enxergar a moeda como uma mercadoria qualquer, que está sujeita a lei da oferta e da demanda.

Porém, ela é especial, visto que independente do preço da moeda (juros), a demanda por ela não diminui. Afinal, quem ai não gosta de um dinheirinho a mais sempre, além de precisarmos da moeda para realizar a maioria das nossas tarefas no cotidiano.

Dessa maneira, quando o governo decide imprimir mais dinheiro, ele simplesmente está aumentando a oferta desse produto para as pessoas do país.

Assim, quanto mais dinheiro em circulação, mais as pessoas tendem a consumir. Com as pessoas consumindo cada vez mais, esses produtos irão aumentar de preço. Isso porque se a demanda aumenta, o preço também irá aumentar.

Esse preço aumentando é a inflação propriamente dita. Mas, porque que no atual momento existe a possibilidade da inflação não aumentar?

Colin Farrell Idk GIF moeda

O subconsumo na crise do coronavírus

Existem alguns motivos para o governo imprimir moeda, como por exemplo, pagar a dívida pública, comprar reservas de dólares, expandir algum programa de transferência de renda como o bolsa família.

Para saber mais sobre o bolsa família, clique no botão abaixo.

Por outro lado, em uma crise atual como o coronavírus, essa pode ser uma medida que irá ajudar a estancar a crise. Acontece que com o vírus, praticamente o mundo inteiro está fazendo um isolamento social.

Isso implica que a maioria das pessoas não estão produzindo ou estão produzindo de maneira muito menor. Dessa maneira, a relação é simples, sem produção significa diminuição ou perda da renda pelas pessoas.

Esse fator poderia realmente deixar as pessoas sem renda e perto da miséria se não houvesse alguma intervenção do governo.

Segundo Henrique Meirelles, a inflação iria acontecer se a economia estivesse a todo vapor e as pessoas usassem o dinheiro para sair consumindo igual doido.

Dessa maneira, existe o que chamamos de subconsumo, ou seja, as pessoas consumindo menos do que a oferta.

Isso ocorre por alguns motivos, o primeiro é a diminuição da renda das pessoas. Esse primeiro fator já leva para o segundo, pois isso causa uma insegurança nas pessoas, o que faz elas gastarem apenas para o básico.

E você pode ver essa insegurança diariamente na vida das pessoas, meu velho por exemplo, decidiu pagar apenas as contas básicas do nosso dia a dia, como comida, luz e água.

scared disney pixar GIF by Disney

Porém, muitos economistas ainda acham que esse não deve ser o caminho a ser seguido a ferro e fogo.

Nem todo mundo é a favor da emissão de moeda apenas

Segundo o Henrique Meirelles, existem duas medidas para o governo fazer para aumentar os gastos públicos e estancar a crise atual, emitir moeda e vender títulos da dívida pública.

Mas, a dívida pública no país já é um dos enormes fantasmas do seu ajuste fiscal, visto que hoje ela representa 76% do PIB do país.

Dessa forma, muitas pessoas são contra essas medidas do Henrique Meirelles, de apenas utilizar as duas formas de políticas.

O Brasil hoje tem uma enorme reserva de dólar no Banco Central (Bacen), cerca de 340 bilhões de dólares. Essa reserva foi acumulada principalmente quando Meirelles era presidente do Bacen, no governo Lula.

Assim, para realizar essa reserva, ele vendeu títulos da dívida pública. Uma reserva de câmbio alta traz uma certa segurança para o país.

Por isso, muitos economistas acham que, para segurar um pouco a dívida pública e uma possível inflação, o governo também deve vender grande parte da sua reserva de dólar.

Porém, segundo o Meirelles, essa operação não irá ajudar o povo no momento, pois iria tirar dinheiro das pessoas (que comprariam os dólares) e, com esse dinheiro, o Tesouro, iria recomprar os títulos da dívida pública, para diminuir a mesma.

loop money GIF

E você, o que acha dessas medidas propostas pelo Henrique Meirelles? Deixa nos comentários para a gente.