Nos dias atuais, é comum que as pessoas se confundam em relação ao papel do Estado e dos governos.

Diante disso, se tornou algo recorrente utilizar esses termos como sinônimos.

Todavia, os dois possuem diferenças conceituais que muito importantes, e que devemos compreender melhor.

Dessa forma, no texto de hoje, o Boletim vem discorrer sobre os conceitos de Estado e Governo.

Se interessou pelo assunto? Continue lendo para saber mais!

Diferença entre Estado e governo - #1 - YouTube

Estado x Governo

Como aprendemos na maioria das escolas, o conceito de Estado surgiu na Grécia Antiga. Assim sendo, o conceito veio do que eram as Polis Gregas.

Entretanto, foi o filósofo Maquiavel, em seu livro “O Príncipe”, que introduziu o termo na literatura pela primeira vez.

A partir disso, o seu conceito passou a ser estudado e desenvolvido por outros pesquisadores. Assim sendo, concluiu-se que o Estado é formado por três elementos principais: povo; território e soberania.

Posto isto, entendemos que o mesmo visa propiciar o bem-estar, harmonia social, qualidade de vida e garantir todos os meios para que exerçamos a democracia.

Portanto, o Estado é o conjunto de instituições políticas dos três Poderes (Executivo, Legislativo e Judiciário) que representam, organizam e atendem o povo. 

Dessa forma, o conceito de governo está inserido no conceito de Estado.

Mas como assim? Vou explicar melhor!

O governo é principalmente identificado pelo grupo político que está no comando de um Estado. Ou seja, é uma das instituições que compõem o Estado.

Sendo assim, seu dever é administrá-lo por meio da formulação e implementação de medidas que levem em conta a dinâmica econômica do país, protocolos internacionais, etc.

Portanto, é a administração pública que proporciona a execução das decisões do governo.

De forma resumida, eles se diferem, pois, o Estado abrange toda a sociedade política. Por outro lado, o governo é formado por um grupo político que é geralmente eleito para administrar o Estado por um determinado período.

Ainda mais mais, também e importante diferenciar esses conceitos de estado (com o “e” minúsculo), que significa a divisão territorial de um governo.

Estado e Governo diferenças

Mas qual a diferença entre chefe de Estado e chefe de Governo?

Chefe de Estado

Em primeiro lugar, vale mencionar que esses cargos podem variar muito de país para país.

Isso acontece, pois, eles estão diretamente ligados à história local, ao desenvolvimento das instituições nacionais e ao pensamento político e cultural da população.

Sendo assim, existem países em que o Chefe de Estado e o Chefe de Governo são pessoas diferentes, com ações diferentes.

Mas também, existem países em que as duas funções estão unidas em torno de uma só pessoa ou então dividida entre mais pessoas e até divida por países.

Posto isso, nota-se que um chefe de Estado é o representante público mais elevado de um Estado-nação. Nesse sentido, é ele que representa, seja pela sua hereditariedade, sua força ou eleição, o poder de um povo.

Chefe de estado

Porém, suas funções e representatividade podem variar de país para país.

Em vista disso, um chefe de Estado exerce um papel diplomático importante em muitos países. Em alguns, ele pode assinar e ratificar tratados internacionais, como se fosse um ministro de relações exteriores. Mas, em outros, ele tem a vantagem de nomear ministros e até Chefes de Governo e juízes.

Outro ponto importante, é que o cargo varia também de acordo com a legitimidade.

Ou seja, enquanto na Inglaterra o sangue real que confere essa legitimidade ao chefe de Estado, no Brasil e nos Estados Unidos essa legitimidade vem do voto.

Chefe de Governo

Por outro lado, o Chefe de Governo é a figura principal da política do país. Do mesmo modo, é o principal articulador das vontades da população.

Dessa forma, ele lidera a formulação de políticas públicas, econômicas e sociais. Bem como a manutenção do funcionamento dos poderes executivo e legislativo, diálogo entre os partidos, atores institucionais, Chefe de Estado e população.

Chefe de governo

Todavia, as funções também podem mudar de acordo com o sistema político do país. Ou seja, em regimes parlamentaristas, o Chefe de Governo também é o chefe do legislativo.

Mas, em regimes presidencialistas, como o brasileiro, as casas do Congresso (Senado Federal e Câmara dos Deputados) elegem seus próprios líderes.

Em conclusão…

Portanto, conclui-se que utilizar esses termos como sinônimos se caracteriza como um grande erro, visto que eles variam de diversas formas.

Ainda mais, deve-se lembrar que suas funções e dos seus Chefes podem variar de acordo com a cultura e o sistema politico de cada local.

Sendo assim, se torna cada vez mais importante ter conhecimento sobre esses conceitos pois, aqui no Brasil, é o nosso voto que faz com que tudo isso de movimenta.

Ou seja, devemos conhecer e entender a função e o cargo de cada político para que seja feita a melhor escolha para a população e não apenas para uma parte dela.

???? E aí, entendeu as diferenças entre Estado e governo? Comente abaixo sua opinião!